BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

segunda-feira, setembro 20, 2010

EXCLUSIVO: A SÍNDROME DO PETER PAN ATACA UMA SENHORA DE 60 ANOS!


"Toda criança cresce... Menos uma."
É com essa frase sugestiva que se inicia a história de Peter Pan, um menino a quem a vida é uma eterna diversão, sem deveres ou responsabilidades. Um menino que por fora é extremamente confiante, forte e corajoso. Que não teme nada nem ninguém. Mas na verdade, interiormente, esse menino não é tão valente como demonstra. Ele tem muitos medos e inseguranças. Medo de CRESCER... Medo de responsabilidades... Medo de compromissos... Medo da solidão. Uma linda senhora de 60 anos, completados no último sábado, vivencia está crise, denominada, "síndrome do Peter Pan". A TV no Brasil vive um período de incertezas, uma crise de identidade jamais vista antes, muito disso se reflete a exagerada importância que se dá a míseros pontinhos de ibope. Poucos são os profissionais que preservam em primeiríssimo lugar a qualidade, os limites do que pode ou não ir ao ar. Vila Sésamo, Topo Gigio, Xuxa, verdadeiros ícones infantis, ah! se esse tempo pudesse voltar... Hoje, as crianças são submetidas a violência gratuita, não é nada incomum ver metralhadora nas mãos de um super-herói infantil. O pássaro falante Garibaldi e sua fome por aprender, hoje, não faria nenhum sucesso, Xuxa descendo de sua nave e redicionando seu público a viajar em seu mundo de conto de fadas não mais comoveria e Topo Gigio, o ratinho mais "buona gente" da TV seria motivo de chacotas sempre que quisesse cantarolar a musiquinha "Meu limão, meu limoeiro". Uma pena a TV ter acostumado as nossas crianças de hoje a se privar dos seus sonhos, e mostrar a realidade nua e crua desde já. É cruel! Ainda acredito no ser humano e nos meus sonhos ainda vejo a TV dando um melhor cuidado a esse público, que mesmo pequeno, tem real importância na história dessa senhora de 60 anos. Mas engana-se que a TV está pensando em aposentadoria. As novelas ainda são o carro-chefe do Brasil. E são as mais bem feitas do mundo. Temos esse privilégio, devemos nos orgulhar desse segmento. Gloria Pires, Gloria Menezes, Fernandona, Regina Duarte, Marília Pêra, Marieta Severo, Christiane Torloni, verdadeiros monstros sagrados. Mariana Ximenes, Ana Paula Arósio, Alinne Moraes estão trilhando o mesmo caminho... Galãs talentosos no lugar de Tarcísio Meira, Tony e Cuoco também tem de monte. Thiago Lacerda, Giane e Mateus Solano são três bons nomes. Tem ainda Matheus Nashtergaele, Lázaro & Wagner, Selton Mello, verdadeiros gênios!!! E a linha de shows? Chacrinha, Flávio Cavalcanti ficaram na memória, mas tio Silvio ainda está aí! Hebe, Xuxa, Fausto Silva, Gugu, Raulzito (o Gil) ainda reinam. Novos nomes surgiram, Huck (o mais promissor), Angélica, Eliana e etc também estão construindo seus castelos dentro da TV. Ana Maria Braga é a cara da mulher brasileira, aquela que ainda se dispõe a cozinhar com amor, antes Ofélia era rainha nesse segmento. Jô e Marília Gabriela entrevistam como ninguém. Tem os telejoranais, Fátima & William, o casal Nacional imprime seriedade e competência. Cid Moreira e seu boa noite viraram marca registrada dos brasileiros. A TV chega aos 60 com muitos problemas, mas é inegável o legado que construiu. Muita coisa boa aconteceu até aqui. A invasão da internet fez com que ela se preocupasse ainda mais com o novo. E é o "novo" que a assusta. A TV tenta se modernizar, passa dos limites e cai em seu próprio ostracismo. Esquece de sua raíz e o que vemos é programas repugnantes, visto um exemplo da própria TV Globo, a número 1 do Brasil e quarta no mundo, o Hipertensão! É revoltante, mas ele não é único! O mundo cão gera audiência fácil, mas desmonta qualquer emissora. O SBT vem pagando por esse mal, e a Record não consegue mais por igual motivo. À nossa TV, parabéns, e querida, não tenha medo de crescer, de responsabilidades, abuse de sua experiência e exploda em audiência!

Nenhum comentário:

Postar um comentário