BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

segunda-feira, janeiro 31, 2011

Chico Xavier, Chaves e Brasil Urgente!

Quanto mais tragédia melhor!
Chico Xavier foi aquém daquilo que foi apresentado nos cinemas. Algumas cenas não haviam sido inseridos no filme e na Globo, semana passada, a história do medium teve muitos detalhes. E a minissérie foi a melhor coisa apresentada em janeiro. Me comovi com quase tudo! Amo bicho e ouvir de Chico (Nelson Xavier/Ângelo Antônio) que eles tem seu lugar no reino Dele foi o ápice. Ponto para a Globo. Bom, janeiro foi o mês da emissora. Amor em quatro atos, O Bem Amado, Big Brother, fraquinho, mas ainda legal de se ver, Insensato Coração, forte como uma novela das nove deve ser, O Clone, filmes regulares, Esquenta!, ah, Regina Casé apresenta algumas novidades no xoxo domingo, estão entre os melhores picos de audiência do mês. Que venha fevereiro... Ainda sobre a programação de janeiro, o SBT também deixou sua marca, o Cinema em Casa tem feito a diferença no final das tardes e a volta do Chapolin também merece destaque. O sumiço do Chaves, para quem não mora em São Paulo destrói qualquer elogio. Uma pena! Record apresentou um Sansão sem força e uma Dalila horrível. Mel Lisboa esteve apática, percebe-se que o alvoroço todo em torno da moça lá pelos idos de 2001 eram mesmo passageiros. 

Gente, não consigo engolir o José Luís Datena. Acho deplorável alguém em pleno 2011 ainda fazer sucesso mostrando o que há de pior no mundo. Puro baixo astral, a atração comandada por ele na Band, Brasil Urgente, recorre a desgraça alheia para alavancar a audiência. Para os parâmetros da Band, ele consegue se superar. Porém, não existe qualquer tipo de ajuda, tudo o que é posto é na única intenção de dar ibope. Mais nada! Vergonhoso, humilhante, terrível! Quanto mais choro, angústia, pobreza, tragédias, mais ele sorri. Não põe na tela não! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário