BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

quarta-feira, abril 27, 2011

Como pode um peixe vivo viver fora da água fria?

Gente, eu sei que esse assunto está deixando todos vocês enjoados, então prometo dar um tempo de Xuxa depois desse post (assim espero). P.S.: não sou um fanático, não faço parte de nenhum fã-clube, nunca mandei cartas, a assisto, apenas isso, e gosto de sua companhia. Da alegria, da espontaneidade, do humor da pessoa que considero a melhor comunicadora feminina do país, de alguém que não é 200% santa, e ninguém quer isso. Com uma ressalva, está cheio de diretor na Globo que não quer que a loura faça sucesso. Sério!
 Xuxa é um nome muito forte na mídia, na história do país e do mundo, tal e qual a maior emissora do Brasil nunca a dispensou e nem pensa em fazer isso. Mas, e não é que estão brecando essa senhora na TV. Primeiro inventam que Xuxa tem que ser menos falante. Querem que Xuxa seja uma Hebe, mas esquecem que as duas tem personalidades completamente diferentes. Xuxa é Xuxa! Hebe é Hebe! Pronto! É fácil de entender. Xuxa funciona com um programa de auditório bem humorado, onde pode falar abertamente com seu público e cá entre nós, a loura fala bem, muito bem. Consegue trazer todos os holofotes para si e convence, são 28 anos como apresentadora. E de muito sucesso. Nunca houve uma artista como Xuxa. É fato! Em meio a mitos como Ayrton Senna, Pelé, Roberto Carlos, Xuxa é a Xuxa. E pode muito mais na televisão. Muito mais. Ah se eu fosse o diretor da Xuxa... É de cortar o coração ver a loura ter que se sujeitar aos cortes que vem recebendo. É humilhante, ultrajante, repugnante. E ninguém melhor que ela emociona. Sem parecer piegas, sem forçar uma barra. Recentemente, foi num concurso que escolheria um ator para viver um príncipe de seu filme, em um TV Xuxa ao vivo, quem viu pôde observar o quanto a apresentadora é incrível. "Bora" senhores Roberto Talma e Mariozinho Vaz, salvem o que ainda tem jeito. Podia estar aqui, como a grande maioria dos críticos (quem lê pensa que sou um crítico renomado hehehe, mas amo de verdade tevê, e sei que muito do meu ponto de vista tem lá suas razões e verdades) e fazer chover pedras em cima do programa, em cima de uma personalidade tão expressiva, seria o mais fácil a fazer, mais pessoas iriam ler, muito mais prestígio ganharia, mas não, confesso que antevejo que ainda tem uma luz no fim do túnel, que há ainda muitos sorrisos a aparecer, confesso que mesmo gostando e muito da apresentadora, quem aqui vos escreve é apenas um telespectador que vê e fala de tv (com muito gosto, carinho e procurando sempre ser ético), alguém que visa apenas qualidade, não quantidade, alguém que está cansado de ver falsos moralistas, cansado de hipocrisia, cansado de ver pessoas faturando com a desgraça alheia. Alguém que só quer o bem, mas que precisa gritar de vez em quando, desabafar... Será que é tão difícil ver uma mulher fazendo sucesso na TV? Há necessidade de talhar pessoas que ainda se preocupam com o bem estar da família? Gente, ainda há tempo para a família? Peço apenas conteúdo! Mais nada. Bons tempos de outrora...
Mas, se eu fosse o diretor da Xuxa...

2 comentários:

  1. Pavor quando a Xuxa se veste como uma velhinha, com óculos. Carece não.

    Deixa eu te perguntar, poooor acaaaso vc tem a foto da capa da Vogue de dezembro de 1989, com ela?

    ResponderExcluir
  2. tenho não!!! foi mals!

    eu já acho um charme ver alguém como Xuxa envelhecer tb como uma mera mortal e ela assume isso sem neuras, muito bom!

    abs cara, tava sumidão por aqui. vlw

    ResponderExcluir