BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

sexta-feira, janeiro 11, 2019

O fim do Vídeo Show


Após quase 36 anos, que seriam completados em março, foi ao ar o último Vídeo Show (uma tragédia anunciada) (nesta sexta 11), cujo ápice ocorreu nos anos 1994 e 1995 (quando começou a ser diário). Em tempos sem internet, o programa era o mais próximo que o público conseguia chegar do seu artista preferido. Com o Falha Nossa, quadro mais famoso do programa, enxergávamos os erros que eles cometiam, sim eles também cometiam erros. Os deuses da TV desciam de seus saltos (porém, quando a internet chegou, não só desciam de seus saltos, mas muitas máscaras caíram). A internet fez com que o Vídeo Show se tornasse a notícia de ontem. 
Esse é um dos motivos de o Vídeo Show ter acabado (e findou tarde demais). Contam-se nos dedos os verdadeiros artistas, aqueles que realmente são artistas e ganham dinheiro e fama por conta de seus talentos (sem precisar pisar em cima de ninguém, para não falar outra coisa). No entanto, com a internet cada vez mais ágil, até quem pensávamos ser boas-praças estão caindo. Como confiar em nossos artistas?
Foi a época em que eu queria ser igual a um artista de TV. Quando lembro que já copiei cabelos dos galãs, vesti uma calça jeans (caríssima) para ser tal e qual aquele ator, ou pior, quando fantasiava ser amigo deles, o mundo era tão bonito. Passei pelo que muitos também já passaram e muitos continuam passando. Esse é o mundo capitalista em que os "artistas" são nossos exemplos. E todos são boa gente, sorriem, são adoráveis. Nem todos, nem todos.
Não se trata de uma caça às bruxas: eles são humanos, como nós. O que mais causa enjoos, revoltas ou uma simples náusea é essa desigualdade social. Não vou criticar nenhuma lei (se a causa for mesmo a cultura e a educação do Brasil, que assim seja), vou criticar a corrupção em que muitos artistas estão envolvidos. Você arrecadar 10 milhões para angariar uma peça de teatro, mas não usufruir de todo esse dinheiro para esse propósito é no mínimo ser desleal (eu chamo isso de roubo). Por que ainda cobram ingressos?
Não havia motivos para o Vídeo Show continuar. A classe artística já foi devastada. A maioria dos cantores de sucesso de hoje em dia já não precisam da melhor composição. Não que antigamente não existiam pragas, mas o público (a maioria) está enxergando mais. Por exemplo, não adianta o Vídeo Show mostrar o artista sorrindo, talhando-o como gente boa, se ele não cumprimenta o rapaz que todo santo dia busca seu copo d'água. Se não for verdade, um dia você cai.
O Vídeo Show foi tarde, sai do ar sem ninguém notar que está saindo de cena, pois ele não fará nenhuma falta. Ganha a partir de agora quem procurar a verdade, ser verdade. Assim como o Vídeo Show, muitos outros vão cair, e não só na Globo. O público está farto! Ninguém mais aguenta tanta hipocrisia.
A indignação é tamanha que o próprio Mr. TV está cansando, escreve pouco, não porque não gosta mais de TV ou de escrever (amo escrever), mas porque está se cansando de tanta mentira, por tanta gente boa sendo desperdiçada. 
Tchau Vídeo Show. Aos que ficam, cuidado! Sem avisos, apenas este conselho: sejam verdade!

Nenhum comentário:

Postar um comentário