BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

domingo, março 24, 2019

Espelho da Vida é a melhor novela no ar atualmente


Espelho da Vida entra em sua última semana e pode ser considerada um acerto, mesmo não conseguindo os índices que merecia: a trama deve terminar com uma média de 18 pontos. Lenta em seus três primeiros meses (isso não significa que ela era ruim), a história tomou força a partir de janeiro e desde então cada capítulo se tornou imperdível. 

Vitória Strada conduziu com maestria sua segunda protagonista em novelas. Como Cris, teve até agora a melhor cena da trama: o surto da Cris após uma armação de Isabel. Espetacular. Como Julia Castelo, conquistou o carinho do público: todo mundo ama Julia Castelo. Em Mulheres de Areia, Gloria Pires foi Ruth, foi Raquel, foi Ruth como Raquel e Raquel como Ruth e encantou o país com uma brilhante atuação. Vitória foi Cris, foi Julia, foi Cris como Julia e está/foi adorável em todas elas. Foi o grande nome feminino da trama.

João Vicente de Castro surgiu sombrio como Alain Dutra. Quando apareceu ainda mais intragável na pele de Gustavo Bruno, na reencarnação passada, Alain começou a suavizar: o ponto alto foi a descoberta de uma filha. O ator foi formidável, é formidável. Com o enredo levando Julia Castelo como Cris a vivenciar seu amor proibido com Danilo, agora Daniel (outro final para a Cris seria injusto), ainda, assim, Alain tem um público forte a seu favor na disputa pelo coração da protagonista.

Alinne Moraes como Isabel ou Dora está num de seus melhores momentos na TV, se é que ela teve momentos ruins. Nas duas fases apareceu como vilã, Isabel não mudou nada, seu jeito torpe continua igual ao de Dora, do passado, Alinne foi bárbara e mesmo as personagens sendo traiçoeiras, deu às duas um lado humano. Impossível não se comover com o sofrimento de Isabel, mesmo ela merecendo passar por tudo que está passando.

Rafael Cardoso é o galã principal da nova safra da Globo. O ator é tão carismático (e talentoso) que em qualquer novela, com qualquer atriz, ele combina. Todo mundo torce pelo Danilo Breton. Todo mundo já gosta do Daniel.

Kéfera, inicialmente, não gostava como atriz, e ainda não pode ser considerada uma boa atriz, mas, aos poucos, foi convencendo como Mariane. Mariane foi crescendo como personagem e deu leveza à história: Kéfera tem tudo para ir bem como atriz cômica.

Quando começou Espelho da Vida, Irene Ravache parecia apagada como Margot, e não se pode desperdiçar Irene Ravache em uma novela. Elizabeth Jhin, que em quase todas as suas novelas teve Irene, fez por onde a escalação da veterana: Irene emocionou como Margot, fez rir como Hildegard, foi boa como Margot e foi malvada como Hildegard. Incrível.

Felipe Camargo é o grande ator de Espelho da Vida, principalmente como Coronel Eugênio. Foi, está espetacular. O Coronel é o típico vilão-mor das novelas, e Felipe conseguiu fazer com que o público o odiasse por completo e mesmo assim soubesse que sem ele não teria novela. Como Américo, continua com um caráter duvidoso, mas os atos falhos de Américo são mais amenos, ou melhor, perdoáveis.

Julia Lemmertz surgiu como Ana, também um personagem minúsculo perante o talento da atriz, mas daí veio Piedade e como quem não quer nada teve muitas cenas lindíssimas.

Vera Fischer voltou às novelas depois de muito tempo. Carmo Vilela é superengraçada e Vera faz muito bem comédia, ela era adorável como a Perigosa Perua Cidinha em 1992, porém, a Globo tem por obrigação um personagem maior para ela numa próxima produção.

Ângelo Antônio, no início, parecia ainda ter os trejeitos de Joselino Barbacena, feito com maestria por ele na Nova Escolinha, aos poucos, foi dando vida para Flávio e, claro, foi perfeito como Padre Luís, na vida anterior.

Patrycia Travassos ficou marcada por quem era criança em 1991 como Mary Matoso. Adorava. Fez poucas novelas e voltou como Edméia ou Grace ou Graça. Acostumado a vê-la em papéis cômicos, esteve fantástica em papéis mais dramáticos.

Suzana Faini como Albertina tem ares de bruxa. Atriz sensacional, construiu a personagem com todo o mistério cercado no grande dilema da história: Quem matou Julia Castelo? Que fez Albertina de tão mal para viver trancafiada no casarão?

Emiliano Queiróz apareceu pouco como André, mas sempre que apareceu foi para fazer o público se arrepiar com seu tamanho talento. Lindo.

Reginaldo Faria como Vicente ou como Augusto, não importa, Reginaldo Faria sendo Reginaldo Faria, um ator fascinante. No entanto, assim como Vera Fischer, merece mais destaque nas novelas.

Ana Lúcia Torre, como não amar Ana Lúcia Torre, que não importa o papel, sempre emociona. Foi assim com a Gentil (a única que vê um bom coração em Américo) e com a Madre Joana (uma das poucas que tem coragem de enfrentar o pérfido Coronel Eugênio).

As crianças Clara Galinari (Teresa ou Priscila), Otávio Martins (Jadson ou Henrique) e Maria Luiza Galhano (Florzinha) são, além de fofos, lindos como atores. Bravo.

Destaque também para Dandara Albuquerque como Sheila, Cosme dos Santos como Gerson, Maria Mônica Passos (Zezé/Irmã Zélia), Andréa Dantas (Abigail/Irmã Dolores), Luciana Paes (Lenita ou Mimi, principalmente como Mimi), Nikolas Antunes (Marcelo ou Lucas) e Letícia Persilles (Maristela ou Letícia). A chegada de Carla Diaz como Gigi foi legal. Sua personagem serviu de escada para outros personagens, como os de Kéfera, Thati Lopes e Rômulo Arantes Neto.

As surpresas ficaram com Luciana Malcher, adorável como Bendita e Patrick Sampaio como Otávio ou Felipe (Felipe tem um quê de Alexandre (Guilherme Fontes) de A Viagem). 

Aplausos para a autora Elizabeth Jhin, o diretor Pedro Vasconcelos e toda a trupe. 


Órfãos da Terra: confira clipe com cenas inéditas da novela

Com estreia marcada para dia 2, na outra terça, Órfãos da Terra, de Duca Rachid e Thelma Guedes, promete emocionar: a trama conta a história de refugiados da Síria e como prato principal a história de um amor impossível, ingredientes à la Glória Perez. Promete ser boa. Assista:

segunda-feira, março 18, 2019

Guia de TV: Albertina (Suzana Faini) é a assassina de Julia Castelo (Vitória Strada)?


Espelho da Vida é a melhor novela atual, isso já mencionei em alguns posts atrás, e os últimos capítulos estão espetaculares. Acontecem coisas novas todos os dias e ainda há tanta coisa para acontecer. Ainda farei uma crítica para a novela. Em breve. A pergunta que não quer calar é "Quem matou Julia Castelo?". A autora tem três finais prontos. Em todos eles participam Gustavo Bruno (João Vicente de Castro), Dora (Alinne Moraes) e Eugênio (Felipe Camargo). Para o blog, quem matou Julia Castelo foi a Albertina, a avó da mocinha.
Que Albertina não tem escrúpulos, aos que assistem à trama, nenhuma novidade. Durante a novela, já foi explicado que Albertina fez algo muito sério contra Danilo (Rafael Cardoso). Ela não iria ficar trancafiada na casa assombrada por ter dado falso testemunho contra ele. Isso é grave, mas deve ter coisa pior por trás desse castigo. Albertina foi além, matou a própria neta e deixou Danilo pagar por esse crime.


sexta-feira, março 15, 2019

Guia de TV: Por Amor no lugar de Cordel Encantado


A Globo decidiu que Por Amor (as novelas do Manoel Carlos não envelhecem e Por Amor é a minha preferida dele) entrará no lugar de Cordel Encantado. Ótima escolha. Branca, Eduarda, Laura, Milena, Nando, Léo, Sandrinha, personagens inesquecíveis de uma novela inesquecível. Ou quem escolhe as novelas da tarde mudou ou a pessoa anda lendo o blog (até parece). Segue o post. Cordel Encantado melhorou a audiência da tarde em 1 ponto em relação à Belíssima. Por Amor deve resolver mais. A partir de 29 de abril, na Globo.

quarta-feira, março 13, 2019

A nova programação da Record

               Aberta para o novo


Segunda a sexta 

Com a Globo em declínio, é hora da Record aproveitar. No Ar, telejornal estilo SPTV, das 6 às 8 da manhã, com César Filho. Bem noticioso. 8 da manhã, Hoje em dia vira Bom dia, Carolina, com a apresentação de Carolina Ferraz (contratem logo a Carolina). O programa ganha mais notícias e receitas, bem ao estilo Mais Você (muito mais caprichado, com pautas bem interessantes, com Rosana Hermann na direção e roteiro. Repórter especial: Ticiane Pinheiro). 10 horas, Fala Brasil, com André Azeredo, estilo Cidade Alerta matutino. Repórter especial: Renata Alves. Meio-dia, Balanço Geral ao vivo, com Reinaldo Gottino, ainda mais noticioso. Duas da tarde, A Hora da Venenosa ao vivo, com Fabíola Reipert. Participação de Rodrigo Capella e Marcos Castro. Bem-humorado e venenoso. O programa é bem ao estilo Furo MTV, mas com fofocas, com Fabíola no centro da bancada. 3 da tarde, Notícias da TV com Sônia Abrão, tudo sobre o que rola na TV com muita opinião. 4 da tarde, Ver e Rever, novelas e minisséries da Record, como Louca Paixão, Prova de Amor, Escrava Isaura, Escrava-mãe, Vidas Opostas, entre outras, apenas um intervalo, 1 hora e 10 min de duração, 2 capítulos por dia. 5 e dez da tarde, Cidade Alerta, com Luiz Bacci. 8 e dez da noite, Jornal da Record, com Celso Freitas e Alexandre Garcia, os dois, além de serem âncoras, dão opiniões pertinentes a cada assunto. 9 da noite, Novela I, com temas religiosos e/ou novelas tipo comédia romântica. 10 da noite, Novela II, com temas atuais e mais fortes. Cada uma com três intervalos. 11 da noite, Sessão das 11. A Record assina com a Warner ou Disney os direitos de filmes de grande bilheteria. Quando tiver A Fazenda (com o Mion), as novelas de Record terão 50 minutos cada uma e o reality inicia as 10 e quarenta. Nas quintas, por conta da prova da liderança, a Sessão das 11 inicia com dez minutos de atraso. 1 da manhã, Friends na Record: série Friends ou Mom na Record: série Mom ou Dois Homens e meio na Record: série Dois Homens e meio ou The Middle na Record: série The Middle. Todas as temporadas. 1 e meia da manhã, Fala que eu te escuto.

Sábado

A Record vai fundo no entretenimento infantil com Xuxa no comando do Turma da Xuxa, uma versão melhorada do ótimo Geração X, do Play Plus, com clipes da rainha e da Galinha Pintadinha, com 8 horas de duração. Das seis da manhã às duas da tarde, com muitos desenhos e séries. Desenhos: Doki, Dora, a Aventureira, Hora do Justin, Lhama-Lhama, Charlie e Lola, Coragem, o cão covarde, As meninas superpoderosas, Johnny Bravo, Apenas um Show, Samurai Jack, KND - a turma do bairro, Hora de Aventura, O incrível mundo de Gumball, Ursos sem curso, Ben 10, Os jovens Titãs, Os Vingadores Unidos e Ok, K.O! Vamos ser Heróis. Séries: Supergirl, The Flash e Arrow. Duas da tarde, Que show, Xuxa! ao vivo, com os realities: The Four Kids (7 episódios), Casamento à Primeira Vista (7 episódios), Dancing Brasil (7 episódios), Troca de Famílias (5 episódios), The Four Adulto (7 episódios), Casamento dos Sonhos (7 episódios), Dancing Junior (7 episódios), Simple Life (com famosos) (5 episódios). Quando termina um reality, inicia outro, nesta ordem. Com 1 hora e dez min. de duração. Há ainda os quadros: - Jornal da Xuxa, vídeos engraçados, notícias comentadas, humor e emoção (com Marco Bianchi, Paulo Bonfá e Sabrina Sato dividindo a bancada com Xuxa) (com 40 minutos de duração). - O É Show, com cantores ou bandas comandando um verdadeiro show, com cinco músicas sem parar (30 minutos). - Reforma dos Sonhos: a gente transforma. Com a equipe de Marcelo Rosenbaum. Neste quadro, patrocinado pela Magazine Luíza, por exemplo, Xuxa conhece a história de uma família do Brasil, famílias guerreiras, gente como a gente, que mesmo com os percalços da vida, conseguem sorrir. A produção de Xuxa reforma a casa desta família, do jeito que eles pedirem, com produtos Magazine Luíza, mas para isso, eles terão que mobilizar a cidade toda e conseguir transformar a vida de uma pessoa ou de uma instituição. Ao final, o antes e o depois da casa. A edição tem que ser perfeita, sensível e alegre, sem sensacionalismo (55 min.). - Quadro Um Artista na Roda. Patrocinado pela Nestlé, por exemplo. Uma celebridade entra na roda e responde às perguntas mais inusitadas. A intenção é ser muito engraçado. Com Xuxa, participam Paulo Bonfá, Marco Bianchi e Sabrina Sato. Média de duração: 25 min. Inspirado no Um homem na roda, do Planeta Xuxa. - Xuxa sem medo de ser feliz: a artista convida um humorista e participa de um stand up. O humorista deve incluí-la nas piadas (Xuxa se mostrou ótima com Porchat neste vídeo). Ao final, Banda Trigo canta sucessos da Xuxa para o público nostálgico, duas músicas por sábado, claro, com a rainha a tiracolo. Às 6 e meia da tarde, Telenoite, com Gugu Liberato e os realities Power Couple (16 episódios) ou Canta Comigo (12 episódios) ou Boa noite, Cinderela (14 episódios), muitas notícias exclusivas, entrevistas exclusivas, Olá, Gugu (inspirado no Hola Suzana, da TV Argentina) e o reality Minuto para ganhar. 9 da noite, Indelicados, com Marcos Mion e Sabrina Sato, ao vivo, em um programa que mescla, humor, alfinetadas, sexo, opinião, música, conversa e muitas paródias. Deve ser o melhor programa para o público adolescente do Brasil. Terá 38 episódios anuais. Os outros 14 serão ocupados pelo Top Chef, com Felipe Bronze. 10 e 15 da noite, Maratona Game of Thrones (todas as temporadas, 2 episódios por sábado) (quando houver A Fazenda, a série não será apresentada, o sábado será o dia da eliminação, terá quase duas horas de duração). Meia-noite, série This is Us, todas as temporadas, ou série Outlander, todas as temporadas, ou Doctor Who, todas as temporadas. 1 da manhã, Friends na Record: série Friends ou Mom na Record: série Mom ou Dois Homens e meio na Record: série Dois Homens e meio ou The Middle na Record: série The Middle. Todas as temporadas. 1 e meia da manhã, Fala que eu te escuto.
Durante a programação, flashes ao vivo com o Notícias em tempo real, com Roberta Piza ou Carla Cecato.

Domingo

6 da manhã entra no ar o Maratona Pica-Pau. 7 da manhã, Maratona Todo Mundo Odeia o Chris. 8 e meia da manhã, Mylena Ciribelli comanda o Show do Futebol, um game estilo "Quem sabe Mais" sobre futebol. O vencedor pode sair com até 50 mil reais do programa. Às 9 e meia da manhã, ao vivo o Bancada do Esporte, com Paulo Bonfá, Mylena Ciribelli e Marco Bianchi. Os três discutem sobre a rodada do sábado e comentam os jogos do dia, tudo com muito bom humor. 11 da manhã, Domingo Show, reformulado, com Geraldo Luís. Mais emoção na hora do seu almoço. 2 da tarde, Troca de Estilos, com Ana Hickmann, duas mulheres: amigas, mãe e filha, colegas de trabalho, com estilos e jeitos de ser bem diferentes entre si e um desejo em comum: mudar o estilo da outra. 3 e meia da tarde, Bar do Faro, caprichado. Rodrigo Faro, além de apresentar muitos quadros, deixa todo o Brasil informado com flashes ao vivo do "Direto da Redação com Adriana Araújo". Com cantores, atores, cerveja, petiscos, muita conversa boa, música e fofocas com o Léo Dias, tudo ao vivo, com muito bom humor e polêmicas. Há também histórias da vida real, com anônimos, numa espécie de Brasil Legal, mas no palco do programa. Na última 1 hora e meia Largados e Pelados Brasil (14 episódios) ou De férias com o ex Brasil (14 episódios) ou Confinados para Amar (10 episódios) ou Are you the one Brasil ((14 episódios). Às 7 da noite, Domingo Espetacular, com William Wack. Reformulado, com comentários de Paulo Henrique Amorim, Janine Borba e Luiz Carlos Prates. Esporte com Mylena Ciribelli. 9 e meia da noite, Repórter Record Investigação, ainda mais parecido com o Linha Direta, com Domingos Meirelles. 10 e meia da noite, Câmera Record, com Marcos Hummel. 11 e meia da noite, CSI: série. Meia-noite e meia, Chicago: P. D.: série. 1 e meia da manhã, Fala que eu te escuto.

Que tal?



sexta-feira, março 08, 2019

Andréa Beltrão é Hebe. Confira o trailer:


Saiu hoje o trailer do filme Hebe, a estrela do Brasil, que conta um pouco da história da apresentadora que era uma gracinha Hebe Camargo. O filme chega às telonas somente em agosto. Fonte: Notícias da TV por Daniel Castro. Assista:

terça-feira, março 05, 2019

Guia de TV: a novela da Sandy vai voltar à TV em 8 de abril

Estrela-guia marcou 31 pontos de média em 2001, altíssima para o horário, na época.

A novela Estrela-guia, de 2001, vai voltar à TV a partir do dia 8 (do mês que vem). Conhecida como a novela da Sandy (a única que a cantora participou), Estrela-guia (de Ana M. Moretzhon) é bem água-com-açúcar, curtinha, como deveriam ser todas as novelas, tipo comédia romântica. Naquele ano, não se falava em outra coisa a não ser do beijo da Sandy (no Guilherme Fontes, seu par na trama). 
Em 2001, Sandy vinha de uma explosão meteórica (ela explodiu mesmo em 1999, apesar de cantar profissionalmente desde os sete anos, fazia dupla com o irmão Junior). Neste mesmo ano era apontada como o novo mito do Brasil, sendo comparada a Xuxa no showbiz nacional ou Thalía, internacionalmente. No entanto, Sandy não chegou lá, tentou carreira internacional (com boas músicas), mas desistiu. Sandy e Junior aos poucos foram perdendo espaço na música, não tinham mais um seriado para chamar de seu na TV e a dupla terminou. Mais intimista, Sandy, em carreira solo, até então, buscava um estilo mais Marisa Monte. 
Sandy, nesse meio tempo, tentou ser Devassa, mas isso só serviu para colocar a marca de cervejas (desse nome) no mercado. Sandy não é devassa, Sandy é a menina meiga e cheia de "frescurinhas" (e de gênio forte). Foi desta forma que o Brasil passou a adorá-la. 
O grupo Globo, ao saber da volta de Sandy e Junior, optou pelo retorno da novela da Sandy, a Cristal. Tacada de mestre. 

Canal Viva, às 11h45.